quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Psicomotricidade

Nos movimentos da criança, se articula toda sua afetividade, desejos e suas possibilidades de comunicação.
O que é psicomotricidade?
Sua definição ainda está em formação, já que à medida que avança e é aplicada, vai-se estendendo a distintos e variados campos. No princípio, a psicomotricidade era utilizada apenas na correção de alguma debilidade, dificuldade, ou deficiência.
Hoje, vai mais longe: a psicomotricidade ocupa um lugar importante na educação infantil, sobretudo na primeira infância, em razão de que se reconhece que existe uma grande interdependência entre os desenvolvimentos motores, afetivos e intelectuais. A psicomotricidade é a ação do sistema nervoso central que cria uma consciência no ser humano sobre os movimentos que realiza através dos padrões motores, como a velocidade, o espaço e o tempo.

Movimento e atividade psíquica

O termo psicomotricidade se divide em duas partes: a motriz e o psiquismo, que constituem o processo de desenvolvimento integral da pessoa. A palavra motriz se refere ao movimento, enquanto o psico, determina a atividade psíquica em duas fases: a sócio-afetiva e cognitiva. Em outras palavras, o que se quer dizer é que na ação da criança se articula toda sua afetividade, todos seus desejos, mas também todas suas possibilidades de comunicação e conceituação.
A teoria de Piaget afirma que a inteligência se constrói a partir da atividade motriz das crianças. Nos primeiros anos de vida, até os sete anos, aproximadamente, a educação da criança é psicomotriz. Tudo, o conhecimento e a aprendizagem, centra-se na ação da criança sobre o meio, os demais e as experiências através de sua ação e movimento.

Estimulação e reeducação

Através da psicomotricidade pode-se estimular e reeducar os movimentos da criança. A estimulação psicomotriz educacional se dirige a indivíduos sãos, através de um trabalho orientado à atividade motriz e as brincadeiras. Na reeducação psicomotriz se trabalha com indivíduos que apresentam alguma deficiência, transtornos ou atrasos no desenvolvimento. Tratam-se corporalmente mediante uma intervenção clínica realizada por um pessoal especializado.

Princípios e metas da psicomotricidade infantil

A psicomotricidade, como estimulação aos movimentos da criança, tem como meta:
- Motivar a capacidade sensitiva através das sensações e relações entre o corpo e o exterior (o outro e as coisas).
- Cultivar a capacidade perceptiva através do conhecimento dos movimentos e da resposta corporal.
- Organizar a capacidade dos movimentos representados ou expressos através de sinais, símbolos, e da utilização de objetos reais e imaginários.
- Fazer com que as crianças possam descobrir e expressar suas capacidades, através da ação criativa e da expressão da emoção.
- Ampliar e valorizar a identidade própria e a auto-estima dentro da pluralidade grupal.
- Criar segurança e expressar-se através de diversas formas como um ser valioso, único e exclusivo.
- Criar uma consciência e um respeito à presença e ao espaço dos demais.

O que é coordenação motora fina? Faz parte das atividades de artes?

É a capacidade de realizar movimentos cada vez mais precisos e apurados.
Normalmente a criança gosta de mostrar o que desenhou, colou ou pintou para os adultos.
Os pais devem estar prontos para acolher e valorizar a produção da criança.
Ao fazerem seus comentários, podem falar sobre o que mais lhes chamou a atenção, como as cores, o traçado, o efeito da colagem, a qualidade do recorte, os sentimentos e as sensações que provocam...
Isso eleva a auto-estima da criança e aguça sua consciência para outras possibilidades oferecidas por essas atividades.
Outras vezes, a criança pede que os pais lhe ensinem a fazer desenhos ou desenhem por ela. Desde que não seja freqüente, essa situação é normal. É recomendável que os pais, em vez de fazerem o desenho, dêem referências para que a criança realize os próprios trabalhos: "Eu ajudo você. Como você acha que é um gatinho?".
Esse tipo de atitude valoriza e incentiva a criança, ajudando-a a confiar na própria capacidade. Além de despertarem a criatividade e permitirem que a criança externe suas emoções, as atividades artísticas auxiliam o desenvolvimento da coordenação motora fina.


Fontes consultadas

2 comentários:

Natalia Rodrigues disse...

Olá! Obrigada pela visita ao blog! Aproveito para te desejar um excelente 2012! Que Deus guie nossos passos sempre! Bjokas, Nat.

Karla Valéria disse...

Oi Amoree! Estou muito contente pela conquista de 300 seguidores, e vc faz parte dessa alegria. Por essa razão te ofereço um SELINHO DE AGRADECIMENTO",junto com ele tem brindes escolares, se vc desejar recebê-los é só deixar um comentário com seu e-mail, para eu enviar depois ok?
Brigadinha pela amizade!